ERP em empresas de Varejo: Quais são as vantagens?

ERP para Varejo

Você sabe a importância de contar com um ERP em empresas de Varejo?

Em um cenário repleto de competitividade, se destacam no mercado aquelas empresas que conseguem eliminar retrabalhos e otimizar seus processos, garantindo o ganho de tempo e eficácia na gestão do negócio. Como fazer isso?

Com o ERP (Enterprise Resource Planning)! A ferramenta de gestão  integra dados e processos de diferentes departamentos de uma empresa com objetivo de melhorar o fluxo de informações entre as áreas e gerar uma visão ampla para ajudar na gestão do negócio – garantindo, assim, o ganho de tempo, segurança de dados confidenciais, maior integração entre os departamentos e previsões essenciais para o planejamento estratégico.

O que o ERP pode oferecer para as empresas de Varejo? O Infovarejo preparou uma lista de vantagens. Confira:

Automação Comercial

 No varejo o ponto de venda (checkout) é sagrado. São várias razões que fazem com que o checkout seja uma das áreas de atenção do empresário. É no checkout que se materializa a venda e o dinheiro que entra no caixa da empresa. Também é de lá que o cliente tem a última experiência com a loja. Ou seja, integração das etapas de venda, eliminando retrabalho e proporcionando agilidade e simplicidade.

Por isso, o ponto de venda deve ter duas características difíceis de conciliar: velocidade e segurança. Com a automação comercial, utilizando equipamentos e softwares próprios para o varejo, o empresário consegue alcançar ambos os objetivos. Assim o empresário conseguirá se dedicar a outras atividades da loja, o que renderá muito mais resultados para a gestão.

Atendimento eficaz e personalizado para os clientes

Com informações reais e confiáveis em mãos, o gestor pode avaliar suas estratégias de vendas e estabelecer promoções para os clientes. Ou seja, quando o controle de estoque é feito de forma eficiente, é possível saber quais itens estão tendo maior saída e quais estão encalhados.

Sabendo disso, a equipe de vendas poderá reavaliar a precificação para saber se o preço está muito abaixo do mercado, o que pode estar implicando prejuízos. Além de tudo, ao conhecer a validade dos produtos é possível estabelecer promoções que estimulem maior procura e consumo destes.

Com o ERP, é possível acompanhar o histórico de compras, enviar e-mail marketing para ações promocionais e análises individuais de cada cliente.

Maior controle de estoque

Para uma empresa varejista, manter um estoque organizado e controlado é uma das atividades mais importantes. Caso isso não ocorra, o fluxo operacional é comprometido e outros processos passam a não funcionar.

Com um sistema ERP, a ineficiência nos processos operacionais é eliminada, uma vez que as informações passam a compor automaticamente um único sistema. Todos os setores têm acesso às movimentações efetuadas na empresa, integrando dados e possibilitando avaliação em tempo real, uma vez que os dados ficarão na nuvem, podendo ser acessados de qualquer lugar e a qualquer hora.

O que antes era realizado manualmente — por meio de planilhas —, com um sistema ERP passa a ser feito em tempo real e de forma automatizada, sendo possível integrar as informações dos setores de compras, vendas, logísticas e outros.

Redução de custos

Com o uso de um sistema ERP é possível reduzir custos e otimizar o tempo das atividades, produzindo mais e em menor tempo.

Por meio das informações disponibilizadas em tempo real, o gestor pode conhecer os setores que estão apresentando maiores custos de produção e estabelecer medidas que reduzam ou eliminem desperdícios, identificando onde estão os gastos a serem cortados dentro da empresa.

Planejamento mais eficiente

Para uma empresa de varejo, o uso de um sistema ERP passa a ser a chave para o sucesso. Com a necessidade de conhecer a real situação da empresa, os gestores podem contar com informações atualizadas e integradas aos mais diversos setores da organização.

Sabendo o que cada setor representa em relação aos demais e quais são as principais defasagens de cada um, é possível estabelecer um planejamento que reduza ou elimine os problemas que impossibilitem melhor desempenho. Além disso, será mais fácil implementar ações realistas de curto, médio e longo prazo e que possam contribuir para o alcance de melhores resultados.

Se interessou? Conheça a solução para Varejo da Nasajon sistemas!