Vantagens do ERP na nuvem

As vantagens de um ERP na nuvem

Optar pela versão do ERP (Enterprise Resource Planning, que significa Planejamento dos Recursos da Empresa) na nuvem para a sua companhia é, ainda hoje, uma decisão que alguns clientes têm muita dificuldade em tomar.

É uma mudança de paradigma. Como toda mudança, requer habituação e experiência, às vezes anos antes de nos sentirmos em casa.

A nossa geração – imagino que você tenha mais de 30 anos e menos de 60 – cresceu num mundo em que a informação estava no computador em cima da nossa mesa ou então, logo ali, na sala ao lado.

Quem quisesse pegava nesse computador ou, sendo mais safo em TI, no HD (disco rígido) e levava para casa. Junto, levava todas as informações da empresa. Eu me sentia dono e senhor de todas elas. Claro, com isso tínhamos – e temos – outras preocupações:

  • Como vou garantir que recupero as informações se o computador ou o disco rígido falharem? E se o computador for afetado por um vírus?
  • Se isso acontecer, quanto tempo vai demorar o processo de recuperação?
  • Será que a recuperação vai funcionar na hora que eu precisar dela?
  • Será que vou recuperar tudo ou ficará faltando alguma informação? A das últimas horas? Dos últimos dois dias?

Há a hipótese de pegar um vírus. Isso é certo se você não tiver um antivírus decente e atualizado.

Em relação à falha do disco rígido, eu posso garantir que isso sempre acontece! Em algum momento o seu disco vai falhar. Pode demorar 2, 3, 4 ou 10 anos, mas um dia vai falhar. Eles são construídos com essa premissa. Propositadamente ou não, em algum momento eles vão falhar. As estatísticas comprovam que 20% dos discos rígidos falham nos primeiros 4 anos. Um a cada cinco. Consegue imaginar o que acontece nos anos seguintes?

Então, você que é responsável e não quer perder informações da sua empresa, em algum momento vai ter que contratar um técnico ou uma empresa de TI que vai montar para você um sistema de backups; dar manutenção a esse sistema e testar os backups de forma regular, pelo menos de dois em dois meses para você ter garantia de que se acontecer um desastre, os seus backups estarão em boas condições.

Além disso, você precisará dedicar atenção ao computador central. Nele residem todos os seus dados e o banco, que precisam de manutenção.  Assim como os carros e outros aparelhos com que nós convivemos no dia a dia, os servidores de sistemas e os bancos de dados precisam de manutenção. Pelo menos de uma intervenção mensal. Dependendo do contrato e dos conhecimentos do TI, você terá mais uma despesa.

É muito difícil mensurar exatamente as despesas e os gastos que você terá com as tarefas que eu menciono acima. Vai depender muito do tipo da atividade da empresa e do número de colaboradores. Se você precisar ter um TI em regime CLT, os valores aumentam significativamente! Também é muito provável que o seu TI acrescente mais alguns itens à lista.

Além dessas despesas, você terá que acrescentar o tempo de resposta dos seus fornecedores – a empresa do Hardware e o seu TI – se algum desastre acontecer. Caso isso aconteça, você precisará, no mínimo, de um a dois dias para recuperar todas as informações.

Qual é a solução?

A solução para evitar esses custos e transtornos é muito simples. Basta que você opte pela versão do ERP na nuvem. Aí tudo se torna muito mais simples:

  • Você não precisará mais de um servidor para guardar o seu banco de dados;
  • Você não precisará mais se preocupar com os backups;
  • Você não precisará mais de um especialista de TI para gerenciar o seu servidor e o seu banco de dados;
  • Você não precisa mais se preocupar com a segurança do servidor onde está o seu banco de dados. Ele agora está seguro na nuvem. Acessível 24 horas por dia, 7 dias por semana, de qualquer lugar! Apenas precisa ter um navegador;

E o servidor na Nuvem, será que vai falhar? Não, não vai! Pode ficar despreocupado, há outras pessoas que se preocupam com isso todos os dias. Mesmo se falhar, outro assumirá o seu lugar de forma quase instantânea. Você nem vai perceber que isso aconteceu!

É provável que você ainda se questione: será que os meus dados estão realmente seguros na nuvem? A minha resposta é sim, claro. Dessa segurança dependem hoje negócios de muitos milhões. Não estamos mais numa fase de testes. A nuvem está aí e mais cedo ou mais tarde será usada por todos.

A melhor analogia é a dificuldade que existiu no início para que as pessoas confiassem o seu próprio dinheiro às instituições financeiras. No futuro, ninguém pensará mais em ter computadores dentro da sua empresa. Você terá apenas o seu acesso pessoal, laptop, tablet ou até mesmo apenas um smartphone. Tudo será bem mais simples e confortável. Aliás, já é!

Autor: José Formiga.

Fonte: Portal ERP.