ECD 2018: conheça as mudanças e o prazo de entrega

ECD 2018: conheça as mudanças e o prazo de entrega

A ECD (Escrituração Contábil Digital) surgiu para transformar a escrituração em papel em escrituração digital. Nela, são entregues o Livro Diário e seus auxiliares, o Livro Razão e seus auxiliares e o Livro Balancetes Diários, Balanços e fichas de lançamento comprobatórias dos assentamentos neles transcritos. No dia 27/12/2017, foi publicada a Instrução Normativa RFB nº[…]

EFD-Reinf: conheça os prazos para o início da obrigação

EFD-Reinf: conheça os prazos para o início da obrigação

A EFD-Reinf é a Escrituração Fiscal Digital de Retenções e Outras Informações Fiscais que irá, junto com o eSocial, compreender diversas obrigações acessórias, como a Dirf e a Gfip. A nova obrigação do Sped sofreu alterações na data de início, por causa do faseamento do eSocial. Portanto, as empresas terão mais tempo para conhecer a[…]

DCTFWeb

DCTFWeb, nova obrigação acessória, vai substituir a GFIP. Conheça!

  Entre as principais mudanças que acontecerão com a implantação do eSocial e da EFD-Reinf está a chegada da DCTFWeb, uma nova obrigação acessória que promete substituir da GFIP (Guia de Recolhimento do Fundo de Garantia do Tempo de Serviço e Informações à Previdência Social) no âmbito da Receita Federal. O que é a DCTFWeb?[…]

Contribuição Sindical

Contribuição Sindical de empregados: a não obrigatoriedade começou

  A Contribuição Sindical é uma das obrigações do Departamento Pessoal. Ao longo do ano ela aparece duas vezes no seu calendário, uma como desconto da própria empresa em janeiro e outra como desconto das contribuições dos empregados em março. É sobre a segunda situação que vamos tratar nesse texto. Confira abaixo. Alteração na Reforma[…]

Bloco K - controle de estoque e produção

Bloco K do Sped: por que as empresas precisam ficar de olho?

  O Bloco K ainda é novidade para alguns estabelecimentos industriais e atacadistas. A entrega, que tem como objetivo controlar o estoque e a produção, aos poucos está entrando em vigor e exige o envio mensal das informações ao Sped. Confira abaixo outras informações sobre o Bloco K: Início para a obrigatoriedade do Bloco K[…]

Rais 2018

Rais 2018 – 5 pontos para conhecer antes de entregar

  Até o mês de março, os profissionais do Departamento de Pessoal devem se preocupar com a Rais, mais uma entrega obrigatória. A Relação Anual de Informações Sociais é um documento solicitado pelo Ministério do Trabalho e Emprego para reunir informações socioeconômicas. Prazo de entrega da Rais 2018 Desde 23 de janeiro é possível declarar[…]

Novo Simples Nacional 2018 - mudanças no regime tributário

Simples Nacional 2018: confira as principais mudanças na legislação

  Uma das grandes mudanças na legislação de 2018 foi a entrada em vigor do novo Simples Nacional, o que afeta os microempreendedores individuais, as microempresas e os pequenos empresários. Separamos para você algumas das principais alterações. Confira abaixo: Limite de Faturamento Entre os diferentes perfis que se encaixam no Simples, houve mudanças no limite[…]

DIRF 2018 - novidades

Dirf 2018 – Confira Novidades da Entrega

  O prazo para a entrega de uma velha conhecida dos profissionais de DP está chegando ao fim! A Dirf, a Declaração do Imposto de Renda Retido na Fonte, tem novidades para 2018. Confira abaixo quais são elas! Prazo de entrega Dirf 2018 A Dirf, relativa ao ano-calendário de 2017, deverá até o dia 28[…]

Reforma Trabalhista - mudanças que você precisa estar atento

Reforma Trabalhista: as principais mudanças que você precisa estar atento

  Desde novembro de 2017, a Reforma Trabalhista entrou em vigor e você precisa adaptar a sua empresa às novas regras. Destacamos algumas mudanças para você ficar de olho e não descumprir a nova legislação trabalhista. Antes de iniciar a leitura, aproveite e baixe o material que preparamos para complementar a sua leitura e auxiliar[…]

Nova Plataforma de Cobrança: boletos acima de R$4.000 não são mais aceitos

Nova Plataforma de Cobrança: boletos sem registro acima de R$4.000 não são mais aceitos

  Com o objetivo de tornar mais seguro o pagamento de boletos, a Febraban criou a Nova Plataforma de Cobrança, sistema compartilhado por bancos em que boletos serão registrados com informações de CPF e CNPJ dos emissores e pagadores para evitar pagamentos em duplicidade e possibilitar o pagamento do boleto vencido em qualquer banco. Até o momento, estamos em[…]