Turnover - deixe de perder tempo no cálculo e foque na análise - Blog Nasajon

Turnover – deixe de perder tempo no cálculo e foque na análise

Quem nunca colocou uma meta na cabeça, foi lá, trabalhou, fez e depois ficou com a sensação de não era bem aquilo, ou que todo o esforço não levou a nada? É bem assim em muitas empresas na hora de calcular o turnover, o índice que aponta a rotatividade de funcionários. Dá um trabalhão para levantar dados, calcular, manter o controle dos indicadores em dia e quando você tem o resultado nas mãos, chega aquela pergunta: e agora, o que eu faço?

Agora você analisa, descobre quais são os problemas que estão por trás dos números e parte para a ação! Simples, não é? Nem sempre. Principalmente quando você esgotou todo o seu tempo e energia para chegar ao dado. Solução? Reduzir o trabalho manual e levantar hipóteses. É isso que você consegue com a planilha “Acompanhamento estratégico de turnover”.

Como essa planilha pode me ajudar?

Além do turnover, com ela você poderá identificar tendências de desligamento com base em quem rescindiu o contrato (empregador ou empregado); o tempo de empresa do colaborador desligado; ou o motivo do desligamento.

Qual é o cálculo?

Turnover = [ (admissões + demissões) / 2 ] / total de colaboradores do último dia do mês anterior x 100. Turnover considerado “alto”, ou seja, que deve ter a atenção do gestor, é qualquer coisa acima de 5%.

Por que comparar os motivos de desligamento por diferentes perspectivas?

Com essas análises você poderá identificar em quais categorias há maior índice de desligamento e planejar ações para reduzi-lo. Por exemplo, se houver um alto número de desligamentos por iniciativa da empresa, no período de experiência e por questões comportamentais, você pode aprimorar sua avaliação comportamental no processo seletivo.

Gostou? Então baixe a planilha agora mesmo!

Preencha o formulário
e receba a planilha por e-mail.